Balanço da Semana da Leitura - 9 a 13 de março de 2020

A Semana da Leitura da nossa escola, subordinada ao tema «Ler Sempre. Ler em qualquer lugar!» decorreu no período previsto, mas de uma forma inesperada, pois tiveram de ser tomadas algumas medidas preventivas devido à Covid-19.

Cancelaram-se diversas atividades, as que aconteceriam no auditório (para um grupo mais alargado de participantes) e que contavam com convidados externos. Apesar de todos os constrangimentos, das onze atividades previstas ainda se realizaram cinco, apenas aquelas que foram desenvolvidas com os recursos da escola.

Foi nosso objetivo primordial incentivar e promover o gosto pela leitura, junto do universo escolar, sempre numa tentativa de elevar os níveis de literacia dos alunos e de promover a festa da leitura e do prazer de ler, recorrendo a atividades ligadas à escrita, à leitura, ao desenvolvimento de competências diversificadas e à criação de momentos de reflexão em torno de questões inseparáveis da universalidade da palavra e do entendimento entre os povos, preconizando, paralelamente, a articulação com os projetos em curso “Ler+ @doça a vida”, “Voluntários da Leitura” e “À descoberta de Palmela”.

As diversas iniciativas, que tiveram lugar durante a Semana da Leitura, envolveram alunos e professores de diferentes ciclos de ensino e foram bastante diversificadas, e reuniram um total de 172 elementos, a saber: 143 alunos; 28 professores e 1 outro (elemento da BM de Palmela).

  • A “Maratona d’os Lusíadas”, orientada pela docente da Equipa da BE/CRE, Maria do Céu Couto, e enquadrada no projeto Voluntários da Leitura, ocorreu na Biblioteca e proporcionou a leitura em voz alta, sequenciada, por turmas do 9º ano, dando voz às palavras de Camões. Foi dinamizada na Biblioteca da Escola, durante toda a tarde do dia 9, tendo ultrapassado as nossas expectativas, quer quanto ao empenho demonstrado pelos alunos das turmas 9º B,C,D e E, quer em termos da cooperação de vários professores numa mesma atividade, Ana Maroto, João Ribeiro, Maria do Céu Couto e Teresa Leal. Esta ação contou com um total de 94 elementos: 81 alunos e 13 professores.
  • A “Leitura Expressiva” da obra O cavaleiro da Dinamarca, foi realizada magnificamente pelos alunos da turma 7º D, sob a coordenação da docente Ermelinda Machete. Ocorreu na Biblioteca, no dia 10, pela manhã, e dignificou o autor e a sua obra, tendo contado com a presença de 30 elementos: 26 alunos e 4 professores.
  • A “Leitura de imagens” sobre a temática Arrábida e sustentabilidade, orientada pela docente Vera Berrones, que teve lugar no dia 10, de tarde, possibilitou uma aula onde os alunos do 11º ano do Curso Profissional de Comércio deram aso à sua criatividade, através da pintura de telas, tendo como ponto de partida uma fotografia da Arrábida, enquadrando-se, assim, nos projetos escolares e concelhios “Ler+ @doça a vida” e “À descoberta de Palmela”. Este encontro entre o património local e a arte contabilizou um total de 8 participantes: 4 alunos, 3 professores e 1 elemento da Biblioteca Municipal de Palmela.
  • A sessão de “Leitura d’O Principezinho” pelo aluno Bernardo Silva, do 10º E, para a turma B, do 7º ano, teve como proponentes as professoras Isabel Araújo e Maria do Céu Couto. Decorreu no dia 12, de manhã, na Biblioteca, e consistiu na leitura do capítulo do Geógrafo, por um aluno da Educação Especial, o que fez desta sessão um momento único de promoção para a leitura e para o fortalecimento de uma escola inclusiva. Esta atividade contou com a presença de 22 participantes: 18 alunos e 4 professores.
  • Por último, a atividade “Sotaques”, dirigida aos alunos de PLNM (Português Língua Não Materna), foi dirigida pela docente Dinora Ferreira e possibilitou a leitura de textos poéticos, em diversos idiomas, por alunos das turmas 10ºE, 10ºG, 11º TAR e 11ºGPSI, terminando com a reflexão da importância do domínio das línguas, na sociedade atual. Esta iniciativa aconteceu também na Biblioteca, no dia 12, de manhã e registou a presença de 18 participantes: 14 alunos e 4 professores.

Por todas estas evidências, podemos congratular-nos pelo sucesso desta ação, plural e multifacetada, o qual seria inatingível sem o empenho e a colaboração de todos os intervenientes, restando-nos, todavia, uma certa amargura e desilusão pelo facto da Semana da Leitura não ter sido concretizada, na íntegra, tal como havia sido programada, restando por desenvolver 6 sessões de grande impacto, nomeadamente: “A hora do conto”; “A sessão de Psicologia”; “O encontro com o escritor André Fernandes”; “A apresentação do livro “A indústria das conservas de peixe em Setúbal”, pelo Dr. Alberto Pereira; “A sessão de poesia” com a autora convidada Graça Costa e a “Palestra com a escritora Sandra Carvalho”, tendo todos estes convidados mostrado a sua disponibilidade, para levarem a cabo as propostas que foram calendarizadas, logo que esta situação fosse ultrapassada.

Os nossos agradecimentos aos alunos que colaboraram nestas atividades e a todos os professores que estabeleceram parcerias e colaboraram na organização e dinamização destas atividades, aos funcionários da Escola, aos convidados e a todos os restantes elementos que tão carinhosamente participaram neste evento, esperando continuar a contar com o contributo de todos para que a Semana da Leitura seja sempre melhor e desejando que o evento tenha sido do vosso total agrado!

P’la Equipa da BE/CRE, Maria José Ribeiro

 

12 3 M Princ IA 7B10 3 T VB Al 11COM12 3 M Sot DF MCV PLNM

10 3 M EM dest 7D9 3 T TL 9D

Clique nas imagens para ampliar

Informação COVID-19

plano contingencia
Plano de Contingência ESP

 

plano procedimentos
Plano de Procedimentos 2020/2021

 

plano ead
Plano de Ensino à Distância

 

 *************

ementas mes

  *************

Oferta Formativa 2019/2020

  *************

e360

GIAE
Plataforma Moodle da Escola
Siga-nos no facebook

Siga-nos via twitter

Canal da Escola no YouTube

 

Municipio Palmela

ensinaRTP

seguranet